Arquitetura e alometria de duas espécies arbóreas chaves para alimentação e ecologia comportamental do primata muriqui-do-sul (Brachyteles arachnoides, Atelidae - É. Geoffroy, 1806).

Arquitetura e alometria de duas espécies arbóreas chaves para alimentação e ecologia comportamental do primata muriqui-do-sul (Brachyteles arachnoides, Atelidae - É. Geoffroy, 1806).

Alternative title Architecture and allometry of two key tree species for feeding and behavioral ecology of the southern muriqui primate (Brachyteles arachnoides, Atelidae - É. Geoffroy, 1806).
Author Ferreira, Gustavo de Oliveira Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Gomes, Mauricio Talebi Autor UNIFESP Google Scholar
Abstract A perda e fragmentação de habitat é atualmente a principal problemática associada aos primatas neotropicais. Ao investigar árvores de grande porte utilizadas por primatas, estudos abordando a alometria e arquitetura vegetal podem ser aplicados na seleção de espécies que compõem estratégias de restauração florestal, como por exemplo, Corredores Ecológicos. A arquitetura arbórea está diretamente relacionada à captura de luz, ganho de nutrientes e capacidade de crescimento de indivíduos arbóreos, enquanto que estudos alométricos descrevem modificações nas características dos organismos durante seu desenvolvimento e crescimento. Diversos estudos se utilizaram da alometria e da arquitetura arbórea para entender as relações entre a estrutura relacionada a sustentação (tronco) e a estrutura relacionada a assimilação de luz (copa) em árvores de florestas tropicais. Nesse sentido, o presente estudo objetivou investigar a relação entre as variáveis arquitetônicas em duas espécies arbóreas - Copaifera trapezifolia Hayne (Copaúva/Copaíba) e Ocotea catharinensis Mez (Canela-Amarela/Canela-Preta/Canela-Parda) - que são chave para a dieta e também relevantes à ecologia comportamental como substrato preferencial de deslocamento e sítio de dormida do primata criticamente em perigo crítico de extinção Muriqui-do-Sul no PE Carlos Botelho-SP. Os resultados demonstraram a presença de um padrão de crescimento diretamente proporcional para as variáveis estudadas, indicando que existe um grau de dependência entre o diâmetro do tronco e altura total e área foliar da copa para as duas espécies, reduzindo o tempo utilizado para se conhecer os valores individuais dessas variáveis em áreas candidatas para implementação de corredores ecológicos para Muriquis-do-sul. Foi identificada também a ausência de diferença significativa quando os padrões de crescimento foram comparados entre as duas espécies, indicando que esses padrões são semelhantes e que as espécies crescem de maneira similar, sugerindo que existe uma variedade na disponibilidade de sítios de dormida e descanso e de diferentes tipos de alimentos em um mesmo estrato florestal, minimizando o esforço empregado pela espécie em atividades de forrageio e deslocamento.

Habitat loss and fragmentation is currently the main problem associated with neotropical primates. When investigating large trees used by primates, studies addressing allometry and plant architecture can be selected in the selection of species that make up forest restoration, such as Ecological Corridors. Tree architecture is directly related to light capture, nutrient gain and tree growth capacity, while allometric studies describe the characteristics of organisms during their development and growth. Several studies use allometry and tree architecture to understand the relationship between a structure related to support (trunk) and a structure related to light assimilation (canopy) in tropical forest trees. In this sense, the present study aimed to investigate the relationship between the architectural variables in two tree species - Copaifera trapezifolia Hayne (Copaúva / Copaíba) and Ocotea catharinensis Mez (Canela-Amarela / Canela-Preta / Canela-Parda) - which are key for the diet and also relevant to behavioral ecology as the preferred substrate of displacement and sleeping place of the critically endangered primate in critical Muriqui-do-Sul (Brachyteles arachnoides, ATELIDAE - E. Geoffroy, 1806) in PE Carlos Botelho-SP. The results demonstrated the presence of a safety pattern directly proportional to the variables studied, indicating that there is a degree of dependence between the diameter of the trunk and the total height and leaf area of the crown for both species, determining the time used to to know the individual values of these variables in candidate areas for the implementation of ecological corridors for Muriquis-do-sul. The absence of difference was also identified when the growth patterns were compared between the two species, indicating that the patterns are similar and that the species grow similarly, suggesting that there is a variety in the availability of different sleeping and resting and resting sites. types of food in the same forest layer, minimizing the effective effort by the species in foraging and displacement activities.
Keywords Brachyteles arachnoides
Ocotea catharinensis
Copaifera trapezifolia
Alometria vegetal
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage Diadema
Language Portuguese
Sponsor Outra
Date 2021-02-22
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Extent 34 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/60195

Show full item record




File

Name: PDF-A_TCC GUSTAVO DE OLIVEIRA FERREIRA.pdf
Size: 1.617Mb
Format: PDF
Description: Trabalho de Conclusão de Curso - Gustavo de Oliveira Ferreira
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account