Efeito do extrato padronizado de Ginkgo biloba sobre o controle hipotalâmico da homeostase energética de ratas ovariectomizadas

Efeito do extrato padronizado de Ginkgo biloba sobre o controle hipotalâmico da homeostase energética de ratas ovariectomizadas

Author Ribeiro, Jéssica de Souza Figueiredo Borges Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Telles, Mônica Marques Autor UNIFESP Google Scholar
Graduate program Biologia Química
Abstract A menopausa é um fenômeno fisiológico marcado por profundas alterações em todos os sistemas do organismo. Dentre suas consequências, destacam-se a tendência ao sobrepeso e obesidade, com estabelecimento de um padrão inflamatório de baixo grau, porém crônico, tanto dos tecidos periféricos, quanto do sistema nervoso central (SNC). Essa condição é especialmente importante porque predispõe ao desenvolvimento de desordens metabólicas como o diabetes mellitus tipo 2 e as doenças cardiovasculares. Promover o seu controle é, portanto, imperativo, e novas terapias farmacológicas, baseadas em produtos vegetais, podem constituir uma alternativa para este fim. Visando a compreender o efeito do tratamento com extrato padronizado de Ginkgo biloba (EGb) sobre a inflamação hipotalâmica e neuropeptídios hipotalâmicos alvo da leptina em fêmeas ovariectomizadas, ratas de dois meses de idade foram submetidas à cirurgia de ovariectomia (OVX) ou falsa ovariectomia (FOVX). 60 dias após a cirurgia, as ratas dos grupos OGb e FGb receberam tratamento com 500 mg/kg de EGb diários, durante 14 dias, enquanto as fêmeas OS e FS receberam uma gavagem diária com solução salina a 0,9%. Os animais ovariectomizados apresentaram ganho expressivo de massa, mimetizando a alteração corporal da menopausa. Embora o tratamento tenha promovido redução do consumo alimentar nas ratas OGb, não se constataram diferenças estatisticamente significantes na expressão do receptor de leptina (LepRb), tampouco nas proteínas da via inflamatória p-JNK, MyD88 e p-ERK hipotalâmica. É possível, no entanto, que o tempo transcorrido entre a cirurgia e o tratamento não tenha sido suficientemente longo para o estabelecimento de inflamação no hipotálamo. Não foram observadas diferenças estatisticamente significantes na expressão de POMC e NPY no LH após o tratamento com EGb. Outros estudos são necessários para elucidar os efeitos do extrato sobre esse e outros núcleos hipotalâmicos de regulação da ingestão alimentar e da homeostase energética.
Keywords Ovariectomia
Ingestão alimentar
Ginkgo biloba
Leptina
Hipotálamo
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage Diadema
Language Portuguese
Sponsor Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Date 2019-09-05
Research area Biologia Química de Sistemas
Knowledge area Biologia química
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Extent 81 f.
Access rights Closed access
Type Dissertation
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/57107

Show full item record




File

Name: Dissertação - J ... edo Borges Ribeiro (1).pdf
Size: 1.956Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account