Saúde e Militância: Reflexões a partir da escuta de militantes

Saúde e Militância: Reflexões a partir da escuta de militantes

Author Keppler, Isabel Lopes dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Carvalho, Emílio Nolasco de Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Esta monografia tem como objetivo analisar os discursos de militantes acerca das relações possíveis entre saúde, sociedade e militância. O tema surgiu no circuito da militância, em que percebeu-se o como analisador interessante casos de militantes que adoeceram. Para tanto, entrevistou-se militantes implicados com a ruptura das relações de produção consolidadas no sistema capitalista, que passaram ou passam por algum adoecimento associado de alguma forma com a sua pratica de militância. A partir disso, esse trabalho traz aspectos do circuito da militância, na medida em que problematiza conflitos e questões percebidos como relevantes no cotidiano dos movimentos sociais, tanto pelos entrevistados como pela pesquisadora. Também propõe-se contribuir no trabalho em saúde, analisando a partir da perspectiva dos militantes o processo de adoecimento e as praticas de cuidado em saúde no contemporâneo. Para contribuir com o debate, esta monografia também apresenta um resgate teórico de temas amplos que atravessam o tema proposto, sendo estes sociedade (conjuntura neoliberal e reestruturação produtiva), movimentos sociais (um panorama da história da luta de classes e seus dilemas contemporâneos) e saúde e psicologia (uma discussão sobre a concepção e prática hegemônica de cuidado que temos hoje).

This monograph has the objective of analyzing the discourse of militantsconcerning the possible relations between health, society and militancy. Thistheme was brought up in the context of militancy, in which it was noticed as aninteresting factor the cases of militants that suffered from illnesses. For that,militants who were strongly involved with the rupture of working relationsconsolidated in capitalism and that suffered from illnesses, associated bysome mean to their militant practices, were interviewed. Therefore, thismonograph sheds a light on aspects for the militancy environment, since itdiscusses conflicts and questions considered relevant in the routine of thesocial movements, not only by the interviewees, but also by the interviewers.This essay also intends to contribute for health care, analyzing through theeyes of militants the illness’ process and the health practices in thecontemporary world. To contribute to the debate, this monograph also presentsa theoretical background of different themes, that are related to the essayobjective, such as society (neoliberal juncture and production restructuration),social movements (a panorama of class struggle history and its contemporarydilemmas) and health and psychology (a discussion of practices of care, itsconcept and hegemonic practices).
Keywords Movimentos sociais
Saúde
Militância
Psicologia
Marxismo
Social movements
Militancy
Health
Psychology
Marxism
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2011-12-06
Published in KEPPLER, Isabel Lopes dos Santos. Saúde e Militância: Reflexões a partir da escuta de militantes. 2011. 144 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Psicologia) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2011.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 144 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/54628

Show full item record




File

Name: TCC - Isabel Keppler.pdf
Size: 551.2Kb
Format: PDF
Description: TCC
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account