Análise eletromiográfica, de desempenho e estratégia do arremesso de força e de precisão em atletas amadores de handebol de Santos

Análise eletromiográfica, de desempenho e estratégia do arremesso de força e de precisão em atletas amadores de handebol de Santos

Author Spinola, Pedro Henrique Bosquê de Faria Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Carvalho, Raquel de Paula Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract O Handebol é uma das modalidades que mais utiliza o movimento de arremesso , um gesto motor complexo que exige o domínio, refinamento e união de habilidades motoras fundamentais do atleta. Tanto o arremesso de força como o de precisão são importantes, pois , de acordo com a sit uação, um tipo de arremesso ou outro é mais propício para que se obtenha êxito em marcar o gol. O objetivo deste estudo foi avaliar e comparar o arremesso de força e o de precisão realizados por cima do ombro em atletas amadores de handebol A amostra cont ou com 18 at letas amadores de handebol com idade de 23,44 ((± 2,87 ) anos . Cada atleta realizou 10 arremessos de força e 10 arremessos de precisão com uma bola de tênis em um alvo. As estratégias de movimento foram avaliadas através dos quatro critérios de desempenho estabelecidos pelo Teste de Função Motora Grossa de Ulrich (TGMD 2). O desempenho foi medido por meio da frequência de acerto da bola no alvo. A avaliação eletromiográfica de superfície foi realizada nos músculos: bíceps braquial, tríceps braqui al, porção superior do trapézio, porções anterior e média do deltóide e porção anterior do serrátil . Foi calc ulada a média do valor do Root Mean S quare (RMS) normalizado pela contração voluntária máxima para cada músculo A estratégia de movimento foi dife rente entre os arremessos de força ( 3,56 0,78 ) e precisão 1,89 0,9 ), o que provocou um melhor desempenho nos arremessos de força ( 8,83 0,86 acertos ). A mag nitude de ativação dos músculos durante a fase de preparo foi superi or à fase de aceleração , i ndependente do tipo de arremesso, e a média de ativação do bíceps braquial foi inferior a t odos os outros músculos Conclui se que o arremesso de força exige uma estratégia de movimento diferente do arremesso de precisão e que magnitude de ativação dos mús culos durante a fase de preparo foi superior à fase de aceleração, com destaque à média de ativação do músculo bíceps braquial, que é significativamente inferior a todos os outros músculos analisados.

Handball, because of its main goal of scoring goals with hands, is one of the most used modalities of the throwing movement, a complex motor gesture that requires the mastery, refinement and union of the athlete's fundamental motor skills. Both the pitch and the precision are important because, depending on the situation, one type of pitch or another is more conducive to success in scoring the goal. Thus, the objective of this study was to evaluate and compare the force and precision throw over the shoulder in amateur handball athletes. The sample consisted of 18 amateur handball athletes aged 23.44 (± 2.87) years. Each athlete performed 10 power shots and 10 precision shots with a tennis ball on a target. Movement strategies were assessed using the four performance criteria established by the Ulrich Thick Motor Function Test (TGMD-2). Performance was measured by how often the ball hit the target. Surface electromyographic evaluation was performed on the muscles: biceps brachial, triceps brachial, upper portion of the trapezius, anterior and middle portions of the deltoid and anterior portion of the serratus. The mean value of Root Mean Square (RMS) normalized by the maximum voluntary contraction for each muscle was calculated. The movement strategy was different between the force (3.56 ± 0.78) and precision throws (1.89 ± 0.9), which resulted in a better performance in the force throws (8.83 ± 0.86). The muscle activation magnitude during the preparation phase was superior to the acceleration phase, independent of the type of throw, and the average brachial biceps activation was inferior to all other muscles. In conclusion, the force throw requires a movement strategy different from the precision throw, and the magnitude of muscles activation during the preparation phase was higher than acceleration phase, specially the mean activation of the brachial biceps muscle was significantly lower than all other muscles.
Keywords Ombro
Eletromiografia
Desempenho
Estratégia
Handebol
Shoulder
Electromyography
Performance
Strategy
Handball
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2018-12-05
Published in SPINOLA, Pedro Henrique Bosquê de Faria. Análise eletromiográfica, de desempenho e estratégia do arremesso de força e de precisão em atletas amadores de handebol de Santos. 2018. 55 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2018.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 55 f.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/53414

Show full item record




File

Name: PEDRO SPINOLA.pdf
Size: 2.633Mb
Format: PDF
Description: TCC
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account