Microangiopatia Trombótica Pós-Transplante Renal: Características Clínico-Histológicas E Prognóstico Do Enxerto Renal

Microangiopatia Trombótica Pós-Transplante Renal: Características Clínico-Histológicas E Prognóstico Do Enxerto Renal

Autor Teixeira, Cinthia Montenegro Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Silva Junior, Helio Tedesco Autor UNIFESP Google Scholar
Pós-graduação Medicina (Nefrologia)
Resumo Objective: To Assess The Incidence, Clinical And Histological Features And Prognosis Of Kidney Or Kidney-Pancreas Transplanted Patients With Thrombotic Microangiopathy (Tma). Methods: We Retrospectively Studied Data Of 89 Patients With Post-Transplant Tma, Which Was Characterized By Thrombi In At Least One Glomerulus And/Or Arteriole. Systemic Tma Was Defined By Thrombocytopenia And Microangiopathic Anemia And Early Onset Tma, When Occurred Less Than 90 Days Post Transplant. Lesions Were Classified According To Thrombi Location And Pattern Of Injury (With Or Without Endothelial Cell Activation). Results: The Cumulative Incidence Was 0.93%. The Majority Of The Recipients Were Young (Mean Age 39 Years), Female (52%) And Caucasian (48%) With Primary Kidney Disease Of Unknown Etiology (37%). Early Tma Occurred In 51% Of The Patients And Systemic Tma, In 25%. The Causes Of Tma Were Infection (34%), Acute Rejection (16%), Calcineurin Inhibitor Toxicity (13%), Tma Recurrence (2%) And Pregnancy (1%). 18% Of The Patie

Objetivo: Relatar A Incidência, Características Clínico-Histológicas E Prognóstico Do Enxerto Dos Casos De Microangiopatia Trombótica (Mat) No Enxerto Renal Entre Receptores De Transplante Renal E Pâncreas-Rim Do Hospital Do Rim. Métodos: Foram Estudados Retrospectivamente Dados De 89 Pacientes Com Mat Pós-Transplante, Que Foi Caracterizada Pela Presença De Trombos Em, Pelo Menos, Um Glomérulo E/Ou Arteríola. Mat Sistêmica Foi Definida Por Trombocitopenia E Anemia Microangiopática; E Mat De Início Precoce Quando Ocorreu Com Menos De 90 Dias Após O Transplante. As Lesões Foram Classificadas De Acordo Com A Localização Do Trombo E O Padrão Histológico (Com Ou Sem Ativação Das Células Endoteliais). Resultados: A Incidência Cumulativa Foi De 0,93%. A Maioria Dos Receptores Era Jovem (Média De 39 Anos), Do Sexo Feminino (52%), Caucasiana (48%) E Com Doença Renal Primária De Etiologia Desconhecida (37%). Mat Precoce Ocorreu Em 51% Dos Pacientes E Mat Sistêmica Em 25%. As Etiologias Da Mat Foram: Infecção (34%), Rej
Assunto Post-Transplant
Thrombotic Microangiopathy
Renal Allograft
Microangiopatia Trombótica
Transplante Renal
Sobrevida Do Enxerto Renal
Biopsia Renal
Idioma Português
Data 2018-05-24
Linha de pesquisa Transplante Renal Clínico E Experimental
Área de concentração Ciências Da Saúde
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=6635150
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/53184

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)