Perfil do comportamento ansioso em período competitivo na dança clássica

Perfil do comportamento ansioso em período competitivo na dança clássica

Author Leite, Geovana Silva Fogaça Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Antunes, Hanna Karen Moreira Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Postula-se que o estresse aliado a respostas ansiosas parecem exercer influências negativas na performance esportiva. Estas influências podem ser particularmente sensíveis na dança, onde além da natureza rítmica combinado com elementos expressivos, parâmetros relacionados com Humor (ansiedade, depressão) também parecem interferir para a boa formação de uma bailarina. Com o objetivo de investigar uma possível variação de humor durante uma competição, foram recrutadas 22 bailarinas do gênero feminino praticantes de Ballet por pelo menos dois anos. As voluntárias responderam aos seguintes questionários: IDATE- traço e Estado, VISUAL ANALOGUES OF MOOD SCALES (VAMS) E BRUMS, Questionário do sono da Unifesp, Questionário de Pittsburgh, Epworth, BSQ, Beck –, SF-36, Nível de atividade física habitual e Padrão social, que foram aplicados em 4 momentos distintos: Basal; Pré-Competitivo; Competitivo;Pós-competitivo. A análise da ansiedade (estado) revelou que as bailarinas apresentaram maiores escores no momento Competitivo (49,19± 9,03) quando comparado ao Basal (39,13± 8,84) e ao Pós-competitivo (37± 7,93). Quanto ao questionário VAMS, observamos alterações nas dimensões Ansiedade que diminuiu no momento competitivo em relação aos outros momentos avaliados, porem na dimensão Sedação Mental observamos um aumento nesse mesmo momento quando comparado com o Basal e o Pré-competitivo. Os dados apresentados pelo BRUMS mostram mudanças do padrão de normalidade relacionados ao componente tensão-ansiedade quando comparemos os momentos basal e pré -competitivo(2,72 ± 2,49; 4,43 ± 3,02). Talvez o aumento da ansiedade estado possa interferir negativamente na performance, pelos desconfortos somáticos presentes, por outro lado, o fato de, o humor ansioso diminuir, aliado ao aumento da tensão possa contrapor a condição inicial a garantir um bom desempenho uma vez que as bailarinas não identificam a presença de algum possível erro aparente, apresentando alterações em seu comportamento porém mantendo-se focada a tarefa que irá realizar. Pode-se concluir que momentos antes da competição as bailarinas experimentam um aumento de ansiedade estado, recebendo uma contribuição, do componente tensão que apresenta o mesmo tipo de comportamento, porém, em contrapartida observa-se a diminuição do humor ansioso. É possível que o equilíbrio entre as variáveis possam determinar o sucesso da performance na dança.

It is postulated that stress combined with anxious responseis an important factor that can exert negative influence on sports and psychobiologicalperformances. These influences may be particularly sensible in the dance, where parameters related to moodslike as anxietyand depression, also seem to interfere with the training. In this context, the purpose of this study was to investigate the possible changes of mood during a dance competition of advanced category. For this, participated of the study, 22 female dancers’s with practice of Ballet for at least two years, with age between 18-30 years,that participated in a dance competition. The volunteers answered a questionnairesbattery that investigates: mood (anxiety and depression), quality of life, sleepcomplaints, body image and habitual physical activity levels. The questionnaires were applied in four distinct moments: baseline, pre-competitive(one day before the competition), competitive (immediately before the competition) and post-competitive (immediately after the competition). As results, we observed a that the anxiousstate at competitive time(39.13± 8.84)and post competition time (37.00±7.93)when compared with to baseline (49.19± 9.03)show a decrease behavior. To VAMSquestionnaire, we observed a decrease of score in the anxiety dimension when compared to other competitive moments. In this same questionnaire, when observed the sedation mentaldimension, we observed a increase of this scores when the compared was performed with the Pré -competitiveand Competitive.The BRUMS datashow a significant changes in the normal-tension component-related anxiety pattern, when we compare the basal and pre-competitive (2.72 ± 2.49Vs.4.43 ± 3.02).Is possible that the increase of the anxious statecould interfere negative with the dancers’s performed, with the somatic uncomfortable presents, in the other hand, the levels of the anxious Moods allied to the tension should to oppose the initial condition taking a considerable influence in success that the performance in the dance. It is possible that the balance of the variables can to determinate the important factor for to success the dance performance
Keywords Ansiedade competitiva
Estresse
Humor
Dança
Competição
Anxiety competitive
Mood
Dance
Stress
Competition
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Sponsor Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Grant number FAPESP: 2008/06718-2
Date 2010-12-01
Published in LEITE, Geovana Silva Fogaça. Perfil do comportamento ansioso em período competitivo na dança clássica. 2010. 45 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade (ISS), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Santos, 2010.
Knowledge area Promoção da saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 45 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/51730

Show full item record




File

Name: GEOVANA LEITE.pdf
Size: 464.4Kb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account