Síndrome de Burnout e nível de atividade física habitual em professores universitários

Síndrome de Burnout e nível de atividade física habitual em professores universitários

Author Pires, Danilo Padovani Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Antunes, Hanna Karen Moreira Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract O presente estudo teve como objetivo investigar a relação do nível de atividade física habitual e a Síndrome de Burnout em professores universitários, uma vez que tal síndrome pode afetar os mesmos no âmbito profissional, psicosocial e até mesmo físico, sendo assim de muita importância saber se a prática de atividade física pode ou não amenizar tais situações. Para a realização do mesmo foram avaliados 10 docentes universitários de ambos os gêneros, sendo 7 femininos e 3 masculinos, através de questionários que abordaram aspectos como o nível de atividade física habitual, burnout, humor, padrão de sono, aspectos relacionados ao ambiente de trabalho e ao trabalho propriamente dito e qualidade de vida. Como resultado, não encontramos diferenças entre os gêneros nas variáveis estudadas, mas encontramos correlações negativas significativas que apontam que quanto maior o nível de atividade física habitual, menor a despersonalização no trabalho, menor a ansiedade traço e estado, menor a tensão e depressão. Mesmo nosso que nosso estudo tenha sido realizado com uma amostra pequena, os resultados permitem concluir que o nível de atividade física habitual é importante para proteger o professor universitário contra alterações psicobiológicas.

The present study was to investigate the relationship of the usual level of physical activity and Burnout syndrome in professors, since this syndrome may affect the same under professional psychosocial and even physical, thus very important to know whether the practice of physical activity may or may not mitigate such situations. To achieve the same were evaluated 10 lecturers of both genres, with 7 women and 3 men, through questionnaires that have addressed aspects such as the usual physical activity level, burnout, mood, sleep pattern, aspects related to the working environment and the work itself and quality of life. As a result, we cannot find differences between genres in the variables studied, but we found significant negative correlations suggest that the greater the usual physical activity level, the smaller the depersonalizationat work, less anxiety dash and State, lower stress and depression. Even our our study has been carried out with a small sample, the results indicate that the level of physical activity is important to protect against psychobiological changes University Professor
Keywords Síndrome de Burnout
Nível de atividade física
Humor
Professores Universitários
Burnout Syndrome
Physical activity
Mood
University Professors
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2009-12-15
Published in PIRES, Danilo Padovani. Síndrome de Burnout e nível de atividade física habitual em professores universitários. 2009.24 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade (ISS), Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Santos, 2009.
Knowledge area Outra
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 24 f.
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/51577

Show full item record




File

Name: Danilo Pires.pdf
Size: 290.7Kb
Format: PDF
Description: TCC completo
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account