ABC do Açude: narrativas cosmopolíticas do sertão baiano

ABC do Açude: narrativas cosmopolíticas do sertão baiano

Author Figueiredo, Felipe Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Barbosa, Andréa Cláudia Miguel Marques Autor UNIFESP Google Scholar
Graduate program Não se aplica
Abstract Durante a década de 1930, o nordeste brasileiro foi assolado por uma das maiores secas já registradas. O governo federal iniciou então, uma empreitada para a construção de imensos reservatórios artificiais de água denominados açudes. Durante a construção de um desses açudes no município de Macaúbas, na Bahia, certo tipo de poesia em forma de ABC foi criada e era declamada pelos trabalhadores da obra. Tal produção conta a trajetória dos operários na construção da barragem e faz algumas denúncias acerca de suas condições insalubres de trabalho. É partindo disso que esta pesquisa objetiva investigar, por um viés antropológico, a produção da vida e do conhecimento coletivo a partir da percepção e da relação com o meio em que se vive, bem como a constituição de um imaginário e de uma memória em torno desse meio e de suas modificações ao longo do tempo a partir da ação de políticas de gestão e controle da natureza e de sua própria forma física, o semiárido brasileiro.
Keywords Poesia
Açude
Imaginário
Memória
Semiárido brasileiro
Language Portuguese
Date 2019-07-01
Knowledge area Outra
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Access rights Open access Open Access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/51231

Show full item record




File

Name: Monografia 1.2 - Felipe Figueiredo.pdf
Size: 6.690Mb
Format: PDF
Description:
Open file
Name: Novo Documento 2019-07-03 21.54.35.pdf
Size: 170.9Kb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account