Repertórios De Ação E Classes Sociais Na Onda De Protestos De Junho De 2013

Repertórios De Ação E Classes Sociais Na Onda De Protestos De Junho De 2013

Author Tury, Joao Gabriel Loures Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Amorim, Henrique Jose Domiciano Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ciências Sociais
Abstract This dissertation has as object of study the repertoires of action and organization used in the wave of protests of June 2013. The research is based on the identification of the different phases that took place during the demonstrations: the first phase, the initial period of mobilization, was set up by the national confluence of waves of local protests related to public transport; the second phase, of diffusion and peak of mobilization, was characterized by a process of social and political overflowing, with the entrance of new sectors and new listo f claims in the protests; finally, in the third phase of demobilization, the reflux of demonstrations occurred. Next, we try to understand how the three main types of repertories among the demonstrators (the autonomist repertoire, the socialist repertoire and the patriotic repertoire) oscillated with the changes in the dynamics of the wave of protests. In this way, one can perceive how the autonomist repertoire, predominant in the first phase, starts to compete with the patriotic repertoire from the social and political overflowing. At this point of inflection, there is a breakdown of the unitary framing linked to the struggles for public transportation, and the (inorganic) relation between demonstrators and direction intentionally constructed by the Free Pass Movement - São Paulo changes, with an organizational vacuum. Identifying the specific repertories used by the demonstrators, the research seeks to highlight the importance of understanding the social classes and the class struggle to explain the constitution of forms of collective action. It is concluded that, in the wave of protests of June 2013, the combination of structural transformations with the interactions of the political process was responsible for the configuration of the predominant repertoires in the demonstrations.

A presente dissertação tem como objeto de estudo os repertórios de ação e de organização utilizados na onda de protestos de junho de 2013. A pesquisa parte da identificação das distintas fases que se sucederam no transcorrer das manifestações: a primeira fase, período inicial de mobilização, configurou-se pela confluência nacional de ondas de protestos locais relacionadas ao transporte público; a segunda fase, de difusão e pico da mobilização, caracterizou-se por um processo de transbordamento social e político, com a entrada de novos setores e novas pautas nos protestos; por fim, na terceira fase, de desmobilização, ocorreu o refluxo das manifestações. A seguir, busca-se compreender como os três principais tipos de repertórios verificados entre os manifestantes (o repertório autonomista, o repertório socialista e o repertório patriótico) oscilaram com as mudanças na dinâmica da onda de protestos. Percebe-se, desta maneira, como o repertório autonomista, predominante na primeira fase, passa a disputar influência com o repertório patriótico a partir do transbordamento social e político. Neste ponto de inflexão, há uma quebra do enquadramento unitário vinculado às lutas pelo transporte público, e a relação (inorgânica) entre manifestantes e direção construída intencionalmente pelo Movimento Passe Livre – São Paulo altera-se, estabelecendo um vácuo organizativo. Identificados os repertórios específicos utilizados pelos manifestantes, a pesquisa busca evidenciar a importância da compreensão das classes sociais e da luta de classes para a explicação da constituição das formas de ação coletiva. Conclui-se que, na onda de protestos de junho de 2013, a combinação entre transformações estruturais com as interações do processo político foi responsável pela configuração dos repertórios predominantes nas manifestações.
Keywords Wave Of Protest
June 2013
Repertoire Of Action
Social Classes
Ondas De Protestos
Junho De 2013
Repertório De Ação
Classes Sociais
Language Portuguese
Date 2017-10-06
Research area Pensamento Político E Social, Estado E Ação Coletiva
Knowledge area Ciências Sociais
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 274p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5435841
Access rights Open access Open Access
Type Dissertation
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50741

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account