Desafios em rede: estudo do percurso histórico do grupo condutor municipal da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência do Município de Santos/SP

Show simple item record

dc.contributor.advisor Jurdi, Andrea Perosa Saigh
dc.contributor.author Gaspar, Naira Rodrigues
dc.date.accessioned 2018-08-03T15:07:57Z
dc.date.available 2018-08-03T15:07:57Z
dc.date.issued 2017
dc.identifier http://www2.unifesp.br/centros/cedess/mestrado/baixada_santista_teses/048_bx_dissertacao_naira_gaspar.pdf
dc.identifier.citation GASPAR, Naira Rodrigues. Desafios em rede: estudo do percurso histórico do grupo condutor municipal da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência do Município de Santos/SP. 2017. 122f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ensino em Ciências da Saúde) – Campus Baixada Santista, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2017.
dc.identifier.uri http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49099
dc.description.abstract Bearing in mind the historical invisibility of people with disabilities in our society and the shortage of the supply of health services that fully meet their care needs, the Ministry of Health established, in 2012, the Health Care Network for People with Disabilities, which, as Unified Health System structural policy, aims to organize the points of attention, changing meaning to practices targeting this public. In 2013, the Municipal Department of Health in the city of Santos/SP started the work of the Municipal Conductor Group, which follow the guidelines developed by the Ministry of Health and provides for the points of attention mix to the health care of people with disabilities, developing the design of municipal care network and the contract of its points of attention. This research aimed to study the historical background of the Municipal Conductor Group in the construction of the Person Care Network with Disabilities in Santos, from March 2014 to December 2016. The choice of thematic oral history method, through narratives of the journeys of Municipal Conductor Group members, contributed to the construction of a narrative that enables the understanding of the links between the group's history, the care model proposed by the Health Care Network for People with Disabilities and the redefinition of health practices related to this population in the municipality. Aspects related to the conception of disability and personal constructs about the care representations emerged in a recurring way in the narratives, as well as the power of the GCM in strengthening health policies for this public. The results showed that people with disabilities need more accessible practices and services that address their needs. en
dc.description.abstract Tendo em vista a histórica invisibilidade das pessoas com deficiência em nossa sociedade e a escassez da oferta de serviços de saúde que atendam integralmente suas necessidades de cuidado, o Ministério da Saúde instituiu, em 2012, a Rede de Cuidados em Saúde para Pessoas com Deficiência, que, como política estruturante do Sistema Único de Saúde, tem como objetivo organizar os pontos de atenção, dando outro significado às práticas voltadas a esse público. No município de Santos/SP, a Secretaria Municipal de Saúde, em 2013, deu início aos trabalhos do Grupo Condutor Municipal, que segue as diretrizes elaboradas pelo Ministério da Saúde e dispõe sobre a articulação dos pontos de atenção à saúde da pessoa com deficiência, elaborando o desenho municipal da rede de cuidados e a contratualização de seus pontos de atenção. A presente pesquisa teve como objetivo estudar o percurso histórico do Grupo Condutor Municipal na construção da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência, em Santos, no período de março de 2014 a dezembro de 2016. A opção pelo método de história oral temática, por meio de narrativas dos percursos dos membros do Grupo Condutor Municipal, contribuiu para a construção de uma narrativa que possibilita a compreensão dos elos entre a história do grupo, o modelo de atenção proposto pela Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência e a ressignificação das práticas em saúde relativas a essa população no município. Aspectos relacionados à concepção de deficiência e construtos pessoais acerca das representações do cuidado surgiram de maneira recorrente nas narrativas, assim como a potência do GCM no fortalecimento das políticas de saúde para esse público. Os resultados apontaram que as pessoas com deficiência precisam de práticas e serviços mais acessíveis e que contemplem suas necessidades. pt
dc.format.extent 122f.
dc.language por
dc.publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rights Acesso Aberto
dc.subject with disabilities en
dc.subject SUS en
dc.subject Oral history en
dc.subject Public policies en
dc.subject Human rights en
dc.subject Permanent education en
dc.subject Care practices en
dc.subject Pessoas com deficiência pt
dc.subject SUS pt
dc.subject História oral pt
dc.subject Políticas públicas pt
dc.subject Direitos humanos pt
dc.subject Educação permanente pt
dc.subject Práticas de cuidado pt
dc.title Desafios em rede: estudo do percurso histórico do grupo condutor municipal da Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência do Município de Santos/SP pt
dc.type Dissertação de mestrado
dc.contributor.institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
unifesp.campus Campus Baixada Santista pt
unifesp.graduateProgram Ensino em Ciências da Saúde pt
unifesp.researchArea Ensino
dc.audience.educationlevel Mestrado profissional
dc.contributor.authorLattes http://lattes.cnpq.br/9122552365397898
dc.contributor.advisorLattes http://lattes.cnpq.br/4140547211703368
unifesp.departamento Centro de Desenvolvimento do Ensino Superior em Saúde – CEDESS pt



File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record

Search


Browse

Statistics

My Account