No-do imagens do fascismo na Espanha

No-do imagens do fascismo na Espanha

Autor Beverari, Rafael Fermino Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Rovai, Mauro Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Ciências Sociais
Resumo This essay consists in the critical analysis of how it was built the relationship between Spain and the nations of Axis and Allies was built during the 2nd World War through the analyzis of Noticiarios y Documentales - No-Do - produced during the government of Francisco Franco in Spain . The newsreel had its first exhibition in january 1943 and the last in may 1981, being mandatory in all spanish cinemas until 1975. The necessary technical crew required for its production, as well as its frequency and mandatory characteristic indicate the estimated role it has played in Francoist ideas. The importance in understanding how they were built - by images - the strategies of dissemination of the fascist propaganda in the period of the war permeates a narrative economy guided by the production of a Spanish particular reality. The Party (Falange Española Traditionalista), the Army and the Church are the three elements analyzed in the newsreel, because besides their important influence in the course of conflicts, provided, in the field of the newsreel images, detached narrative effect.

Esta dissertação consiste na análise crítica de como foi construída a relação entre Espanha e as nações do Eixo e Aliados durante a 2ª Guerra Mundial por meio da análise dos Noticiarios y Documentales - No-Do -, produzidos durante o governo de Francisco Franco na Espanha. O noticiário em tela teve a sua primeira exibição em janeiro de 1943 e a última em maio de 1981, sendo obrigatório em todos os cinemas espanhóis até 1975. O corpo técnico necessário para sua produção, bem como sua periodicidade e caráter obrigatório indicam o estimado papel que desempenhou na difusão das ideias franquistas. A importância na compreensão de como foram construídas - pelas imagens - as estratégias de disseminação da propaganda fascista no período da guerra permeia uma economia narrativa pautada na produção de uma realidade própria da Espanha. O Partido (Falange Española Tradicionalista), o Exército e a Igreja são os três eixos analisados no noticiário, pois além de exercerem importante influência no decorrer dos conflitos, proporcionaram, no domínio das imagens do Noticiário, destacado efeito narrativo.
Assunto Sociology
Documentary
Fascism
Franquist spain
Falange española tradicionalista
Sociologia
Cinema documental
Fascismo
Espanha franquista
Falange española tradicionalista
Idioma Português
Data 2015-02-12
Publicado em BEVERARI, Rafael Fermino. No-do imagens do fascismo na espanha. 2015. 213 f. Dissertação (Mestrado) - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Guarulhos, 2015.
Linha de pesquisa Sociologia
Área de concentração Ciências humanas
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 213 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2763849
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47837

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Dissertacao - Rafael Fermino Beverari.pdf
Tamanho: 2.878Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)