Projetos ambientalistas em Ubatuba : circulação de capitais sociais entre estado, ongs e populações tradicionais

Projetos ambientalistas em Ubatuba : circulação de capitais sociais entre estado, ongs e populações tradicionais

Autor Queiroz, Jose Fernando Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Conparato, Bruno Konder Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Ciências Sociais
Resumo In this dissertation, we analyze the social projects and the preparing, implementing public policies involving a partnership with NGOs, and how it was able to contribute to empowerment the representatives of Cambury quilombola residents and Fazenda quilombola residents. The both resident?s groups live in a Natural Protect Area located in north of Ubatuba denominated Núcleo Picinguaba of Parque Estadual da Serra do Mar (NP-PESM). To achieve our goal, we present a reflection about the period between the creation of first NGO in Ubatuba in 1982, and the process in which this kind of organization focus their actions on social projects realization. We use a combination 2 between the field concept developed by Pierre Bourdieu as an analytical orientation with the measures and method of social network analysis, because in that way we can explain how the disputes in the territory of NP-PESM have structured the Ubatuba?s environmental field and how the conflicts are influencing environmental policy formation and the decision-making process.

Neste trabalho analisamos como a atuação de ONGs promovendo projetos sociais, ou enquanto parceiros na aplicação e desenvolvimento de políticas públicas, pôde contribuir para o empoderamento dos representantes das comunidades de moradores do Quilombo Cambury e do Quilombo da Fazenda, ambas residentes de uma área natural protegida localizada ao norte de Ubatuba, o Núcleo Picinguaba do Parque Estadual da Serra do Mar (NP-PESM). Para alcançarmos nosso objetivo, apresentamos aqui uma reflexão que compreende o período entre a criação da primeira ONG em Ubatuba em 1982, e o processo que levou essas organizações civis a concentrarem suas ações na realização de projetos sociais. Como norte analítico deste trabalho utilizamos uma combinação entre o conceito de campo de Pierre Bourdieu com as medidas e o método de análise de redes, pois assim conseguimos explicitar como as disputas no interior do NP-PESM estruturaram o campo ambiental de Ubatuba e o jogo para interferir na elaboração e aplicação de políticas ambientais neste município.
Assunto Social projects
Ubatuba's environmental field
Empowerment
Projetos sociais
Campo ambientalista em ubatuba
Empoderamento
Idioma Português
Data 2015-08-12
Publicado em QUEIROZ, Jose Fernando. Projetos ambientalistas em ubatuba: circulação de capitais sociais entre estado, ongs e populações tradicionais. 2015. 140 f. Dissertação (Mestrado) - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Guarulhos, 2015.
Linha de pesquisa Sociologia
Área de concentração Ciências humanas
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 140 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2919634
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47832

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Dissertação def ... José Ferenando Queiroz.pdf
Tamanho: 2.993Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)