Do sonho à loucura: imigrantes portugueses e a doença mental em São Paulo (1929-1939)

Do sonho à loucura: imigrantes portugueses e a doença mental em São Paulo (1929-1939)

Autor Silva, Ewerton Luiz Figueiredo Moura da Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Nemi, Ana Lucia Lana Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação História
Resumo It is intended here to discuss the Portuguese presence in asylums institutions of São Paulo between 1929 and 1939. In the early twentieth century, São Paulo City received thousands of immigrants seeking a better life through their attempt to "make America" urban growth has been accompanied by new realities of the city, including the organization of asylums institutions. In 1898 it was founded the Insane Asylum of Juquery, designed by the doctor Francisco Franco da Rocha and 31 years after the Pinel Sanatorium by Antonio Carlos Pacheco e Silva. By consulting the prescription documentation produced by both institutions we yearn to understand how mental illness, or diagnosis of mental illness, acted on this dream of social prosperity fueled by immigration. Also we sought to the other side of this history, of Portuguese origin of employees who worked in Juquery.

Pretende-se aqui discutir a presença portuguesa em instituições manicomiais da cidade de São Paulo entre 1929 e 1939. No início do século XX, a capital paulista recebeu milhares de imigrantes que buscavam uma vida melhor através de seu intento de ?fazer a América?, o crescimento urbano foi acompanhado de novas realidades para a cidade, entre elas a organização de instituições manicomiais. Em 1898 era fundado o Asilo de Alienados do Juquery, idealizado pelo médico Francisco Franco da Rocha e 31 anos depois o Sanatório Pinel por Antonio Carlos Pacheco e Silva. Através da consulta à documentação prontuarial elaborada pelas duas instituições anseia-se compreender como a doença mental, ou o diagnóstico de doença mental, atuou sobre este sonho de prosperidade social alimentado pelo imigrante. Também se buscou um outro lado desta história, o dos funcionários de origem portuguesa que atuaram no Juquery
Assunto Portuguese
Juquery
Pinel
Mental illness
Immigration
Portugueses
Juquery
Pinel
Doenças mentais
Imigração
Idioma Português
Data 2016-02-02
Publicado em SILVA, Ewerton Luiz Figueiredo Moura da. Do sonho à loucura: imigrantes portugueses e a doença mental em São Paulo (1929-1939). 2016. 163 f. Dissertação (Mestrado) - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Guarulhos, 2016.
Linha de pesquisa História
Área de concentração Ciências humanas
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 163 p.
Fonte https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=3451112
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/47590

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Silva, Ewerton L. F. M..pdf
Tamanho: 2.159Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)