Outras saúdes catadas: a experiência com a comunidade do Parque Ambiental Sambaiatuba - São Vicente/SP

Outras saúdes catadas: a experiência com a comunidade do Parque Ambiental Sambaiatuba - São Vicente/SP

Author Silva, Fabio Lopes Correa da Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Henz, Alexandre de Oliveira Henz Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ensino em Ciências da Saúde
Abstract One of the major environmental problems in São Vicente, is the area where worked the "city dump" located in Sambaiatuba dike. The City hall of São Vicente closed the place, turning it into an Ecological Park but they still live in difficult conditions of exile and degradation. The objective of this study was through narratives, track, describe and provide life experiences and perhaps other health concepts, produced by the population of "pickers" Environmental Park Sambaiatuba by prospecting their habits, conflicts with the law, adopting rules, vicissitudes in labor activities, in the sociability process. Follow the desires, ways of living and salute that this population generates and sustains it formed in the course of research, an analyzer of self caring actions nowadays. This research was a possibility of bringing the approach by singularilites - questioning actions marked by prescriptions normalizing, sanitary policing, hygienism, evidence-based health, risk society, eugenics, protocols and risk factors - from their experiences and pre established health, a kind of contamination with new worlds of knowledge, pain, vitalities, ruins, joy, power and impotence. The methodology used was to retrospective research, descriptive and built from qualitative approach. the literature, or secondary sources included published literature in relation to the subject of study which, includes spare publications, books, articles, journals, literary fragments, thesis, and cartographic material. Focus group was used as a data production instrument, data field notes, semi-structured interviews and affective maps that converged to all creation narratives in a shrt story format. Those data were established operating with the cartographic device proposed by Gilles Deleuze and Felix Guattari and the problems were built during the research experience and not from ready structural models or pre-drawn paths. Integrated research through the narrative, the old "pickers", now members of Coopercial of the stories here related. In these writings were attending problems that envolves issues and health concepts. Many questions emerged in the research as the multiple ecologies (not just environmental ecology), problems involving risk-animality and sanitary police, the displacement of health care as ambassador of a sad and asepctic health, the issue of "unimportant lifes" that anyway care. The material produced allowed the construction of a film, called Coragyps atratus, made from compilations of other productions that echoed with what is investigating, along with material shot in site. The "model" health first introduced to this community did not produce effects in resonance with them, your organization differed much from those recommended by the norms. The needing of going trough and being trough by the ways of life the community, were essesntial to discuss this research was only possible when an availability of research allowed me to walk around with a bag and "pick healths" and singularities with the eyes of who wants to see in the dark of contemporary and be closers to theis worlds.

Um dos grandes problemas ambientais do município de São Vicente, é a área onde funcionava o "lixão municipal", localizado no dique Sambaiatuba. A prefeitura de São Vicente desativou o local, transformando-o em um Parque Ecológico, entretanto estes catadores ainda vivem em condições problemáticas entre o degredo e a degradação. O objetivo deste trabalho foi, através de narrativas, acompanhar, descrever e constituir experiências de vida e talvez de outras saúdes, produzidas pela população de "catadores" do Parque Ambiental Sambaiatuba através da prospecção de seus hábitos, conflitos com a lei, instauração de normas, vicissitudes nas atividades laborais, em suma na produção de sociabilidades. Acompanhar os desejos, modos de viver e saúdes que esta população produz sustenta constituiu-se, no decurso da pesquisa, em um analisador das ações de cuidado de si no contemporâneo. Esta investigação foi uma possibilidade de aproximação dos catadores através de singularidades - problematizando ações marcadas por prescrições normatizadoras, policiamento sanitário, higienismo, saúde baseada em evidências, sociedade de risco, eugenia, protocolos e fatores de riso - com suas experiências e saúdes pré-estabelecidas, uma relação de contaminação com mundos de saberes, dores, vitalidades, ruínas, alegrias, potência e impotência. A metodologia utilizada foi a de pesquisa retrospectiva, descritiva e construída a partir de abordagem qualitativa. A pesquisa bibliográfica, ou de fontes secundárias, abrangeu bibliografia publicada em relação ao tema de estudo, que inclui publicações avulsas, livros, artigos, jornais, fragmentos literários, teses, e material cartográfico. Como instrumento de produção de dados foram utilizadas questões do grupo focal, anotações de diário de campo, de entrevistas semiestruturadas e mapas afetivos que convergiram todos para constituição de narrativas no formato de pequenas histórias. Os dados constituídos foram trabalhados operando com o dispositivo cartográfico proposto por Gilles Deleuze e Félix Guattari e os problemas foram construídos no decurso da experiência de pesquisa e não a partir de modelos estruturais prontos ou caminhos pré-traçados. Integraram a investigação através das narrativas, os antigos catadores, hoje cooperados, que trabalham na Coopercial pelo fio condutor de histórias. Nestes escritos foram comparecendo problemas que enredam questões e concepções de saúde. Muitas questões emergiram na pesquisa, como as múltiplas ecologias (não apenas a ecologia ambiental), os problemas que implicam risco-animalidade e polícia sanitária, o deslocamento do trabalho em saúde como embaixador de uma saúde triste e asséptica, a questão das "vidas quaisquer" que de todo modo importam. O material produzido permitiu a construção de um filme, denominado Coragyps atratus, feito a partir de compilações de outras produções que ecoavam com aquilo que se investigava, juntamente com material filmado no local. Entendemos que "modelo" de saúde apresentado inicialmente a esta comunidade não produzia efeitos em ressonância com eles, sua organização diferia, em muito, daquelas preconizadas pelas normatizações. A necessidade de transpassar e ser transpassado pelos modos de viver daquela comunidade, foram essenciais, para discutir este trabalho que só foi possível, quando uma disponibilidade de pesquisa, permitiu-me passear com um "saco" e "catar" saúdes e singularidades com os olhos de quem quer enxergar no escuro do contemporâneo e avizinhar-se de seus mundos.
Keywords health
cartography
contemporary
common
saúde
cartografia
contemporaneidade
comum
Language Portuguese
Date 2015-11-30
Published in SILVA, Fabio Lopes Correa da. Outras saúdes catadas: a experiência com a comunidade do Parque Ambiental Sambaiatuba - São Vicente/SP. 2015. 120 f. Dissertação (Mestrado Profissional) - Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.
Research area Ensino
Knowledge area Multidisciplinar
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 120 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=2965005
http://www2.unifesp.br/centros/cedess/mestrado/baixada_santista_teses/055_bx_dissertacao_fabio_silva.pdf
Access rights Open access Open Access
Type Dissertação de mestrado profissional
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/46924

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account