Marcadores fluorescentes: lentivírus e nanoparticulas no rastreamento de células-tronco de polpa dental humana em modelo de Gallus gallus domesticus

Marcadores fluorescentes: lentivírus e nanoparticulas no rastreamento de células-tronco de polpa dental humana em modelo de Gallus gallus domesticus

Título alternativo Fluorescent dyes Titulo traduzido : lentiviral and nanopaticles in the tracking of human pulp stem cells from in Gallus gallus domesticus model
Autor Santos, Jennifer Adriane dos Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Duailibi, Silvio Eduardo Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Cirurgia Translacional – São Paulo
Resumo A engenharia tecidual é caracterizada como ciência multidisciplinar e destina-se a produzir substitutos biológicos por meio da fabricação de órgãos e tecidos em laboratórios, substituindo desta maneira doadores de órgãos. O embrião de Gallus gallus domesticus constitui um modelo experimental interessante para experiências pré-clínicas, devido à ausência de rejeição de xenoenxertos. As células-tronco de polpa dental humana (hDPSC) tem um grande potencial para utilização em terapias regenerativas e apresentam uma grande capacidade de diferenciação in vitro em vários tecidos como dentina, nervos e endotélio vascular, além de outros tecidos. Objetivo: Identificar por meio de marcadores fluorescentes, na forma de lentivírus e nanopartículas, a migração de células-tronco de polpa dental humana aplicadas em modelo de Gallus gallus domesticus. Método: As células foram obtidas a partir da explantação de hDPSC de germes de terceiros molares. O estudo foi subdividido em três grupos: Grupo 1 - Experimental QTracker, Grupo 2 - Experimental mCherry e o Grupo 3 - Controle. Os ovos foram mantidos na incubadora a 37,6º C e umidade 86% e os animais foram sacrificados 11 dias após a postura. Resultado: Ambos os grupos mostraram eficiência em relação à emissão de fluorescência. As células proliferaram e apresentaram afinidade por tecidos mineralizados. Conclusão: O modelo animal mostrou-se eficiente par rastreamento de células hDPSC demonstrado por ambos os marcadores estudados. Devido à estabilidade da fluorescência o Qtracker por meio de varias gerações e ausência de vetor viral, a utilização deste marcador tornou o método mai seguro para um futuro ensaio de modelo in vivo. Resumo : The tissue engeneering is characterized by a multidisciplinary science and aims to produce biological substitutes, which by the manufacture of organs and tissues in laboratory in this way substituting donor organs. Gallus gallus domesticus are an interesting experimental model for pre-clinical experiments due to the absence of xenografts rejection. This model has been used to evaluate from vascularization, cell differentiation, until the effects of certain drugs on embryonic development. Mesenchymal cells extracted from human dental pulp have potential for regenerative therapies to present a great ability of in vitro differentiation into many tissues such dentin, nerve and vascular endothelium and other tissues. Objective: Identify bu fluorescent dyes in the form of nanoparticles and lentiviral, the human tooth migration of stem cells applied in Gallus gallus domesticus model. Methods: The cells were obtained from the explantation of hDPSC third molars. The study was classified into three groups: Group 1 - Experimental QTracke, Group 2 - Experimental mCherry and Group 3 - Control. The eggs were kept in incubator 37,6ºC and umidity 86% an thea animals were euthanized 11 days of posture. Results: Both groups showed efficienty relative to flçuorescence emission. The proliferated cells presented affinity and morphology similar to mineralized tissue. Conclusion: The animal model demonstrated its effectiveness for tracking hDPSC, demonstrated by both studied markers. Due to fluorescence stability of QTracker throught several generations and absence of viral vector, the use of this labeling became safer for a future assay in vivo model.
Assunto Engenharia tecidual
Medicina regenerativa
Corantes fluorescentes
Células-tronco adultas
Idioma Português
Financiador Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Data 2014
Publicado em SANTOS, Jennifer Adriane dos. Marcadores fluorescentes: lentivírus e nanoparticulas no rastreamento de células-tronco de polpa dental humana em modelo de Gallus gallus domesticus. 2014. 116 f. Dissertação (Mestrado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo. São Paulo, 2014.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://hdl.handle.net/11600/41691

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Tese-14483.pdf
Tamanho: 34.76Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)