Módulo 2 - Fundamentos histórico-culturais: Conteúdos específicos

Módulo 2 - Fundamentos histórico-culturais: Conteúdos específicos

Autor Araújo, Douglas José Gomes Google Scholar
Ferreira, Ligia Fonseca Autor UNIFESP Google Scholar
Felinto, Renata Aparecida Google Scholar
Silva, Salomão Jovino da Google Scholar
Orientador Silva, José Carlos Gomes da Autor UNIFESP Google Scholar
Descrição Material em formato .pdf Parte do material do curso de especialização em Política de Promoção da Igualdade Racial na Escola COMFOR - Comitê Gestor Institucional de Formato Inicial e Continuada de Profissionais da Educação Básica Secretaria de Educação Básica - SEB Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão - SECADI Secretaria Estadual de Educação Secretaria de Educação Básica - SEB Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização, Diversidade e Inclusão - SECADI Secretaria Estadual de Educação Coordenação do curso José Carlos Gomes da Silva Equipe de produção (SEAD UNIFESP) Felipe Vieira Pacheco (Coordenador de produção e desenho instrucional) Mayra Volpato Ramiro (Designer Instrucional) Fabrício Sawczen (Designer Gráfico)
Resumo DISCIPLINA 6 - Diáspora Negra no Brasil Unidade 1 - Objetivos: Abordaremos, ao longo das aulas, diferentes aspectos do legado do processo diaspórico africano e suas implicações no Brasil. Interessa-nos focalizar, sobretudo, temáticas que permitam compreender as singularidades e diversidades das culturas africanas, em especial, linguagens simbólicas que teriam orientado as ações dos africanos no novo contexto. Unidade 2 - Objetivos: Compreender as especificidades dos povos africanos durante o período escravocrata; Analisar os processos de desestabilização das etnias e reinos africanos em decorrência do desenvolvimento do sistema escravistas. Unidade 3 - Objetivos do texto 1: Abordaremos os processos de constituição dos quilombos nas Américas. Entendemos que essa experiência possui nexos com os antepassados de luta de algumas etnias africanas. A formação de quilombos durante a escravidão não foi obra de uma fuga desordenada da opressão, mas fez parte de um projeto político que em sua expressão máxima, Palmares incluía a formação de um Estado Negro, sob a liderança tradicional de um rei, figura central na organização política dos povos africanos. A percepção da terra como espaço de luta negra na diáspora prossegue na contemporaneidade. As comunidades negras rurais, ressiginifcadas como “remanescentes de quilombos”. Objetivos do texto 2: Compreender o caráter simbólico-africano das práticas da congada bem como das irmandades negras e suas implicações na reelaboração dos patrimônios culturais africanos nos contextos da religiosidade africana e do catolicismo. Unidade 4 - Objetivos - texto 1: Estudaremos o desenvolvimento do samba enquanto expressão musical referenciada em matrizes musicais africanas. Objetivos - texto 2: Compreender a capoeira enquanto prática afro-brasileira reelaborada em diferentes tempos e espaços; entender o significado da capoeira no contexto das expressões estéticas de origem africana; articular a prática da capoeira com os processos de construção da identidade negra. Unidade 5 - Objetivos: Compreender as produções culturais negras no campo da escrita elaboradas nas primeiras décadas do século XX. As marcas da tradição oral podem ser localizadas nos experimentos jornalísticos negros classificados como Imprensa Negra Paulistana. A segunda experiência à qual nos reportamos é a produção literária de Carolina Maria de Jesus. Analisaremos essas duas produções como um aspecto importante da luta das comunidades negras no campo da Educação. Elas também expressam duas atitudes que permanecem como símbolos das lutas da população negra no pós-Abolição e na República. DISCIPLINA 7 - Cultura Afro-brasileira I: Literatura Negra Unidade 1 - Objetivo: Esboçar um breve panorama da presença/ausência do negro na literatura brasileira, em particular no momento de emergência, em meados do século XIX. Unidade 2 - Objetivo: Refletir sobre o “mito da democracia racial” e a negação da literatura negra. Unidade 3 - Objetivos: Apresentar o panorama de emergência dos movimentos artísticos e políticos de afirmação e valorização dos povos negros no plano internacional e seus ecos no Brasil. Verificar como se constrói uma identidade literária negra, individual e coletiva, através de um discurso, temas e perspectiva específicos. Unidade 4 - Objetivos: Observar a emergência, nominação, afirmação da “literatura negra” brasileira e os debates que suscita. Unidade 5 - Objetivos: Nesta unidade apresentaremos breves dados biobibliográficos (vida e obra), apontando as principais características e produção de alguns autores representativos, exemplificando com textos extraídos de suas obras.
Palavra-chave Diáspora negra
Povos africanos
Etnias africanas
Quilombos
Samba
Capoeira
Cultura afro-brasileira
Literatura negra
Escravidão
Idioma Português
Financiador Outra
Data de publicação 2016-09-29
Publicador Universidade Federal de São Paulo [UNIFESP]
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Outro
Endereço permanente http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/41167

Exibir registro completo




Arquivo

Nome: COMFOR-UNIAFRO-Mod2.pdf
Tamanho: 2.692MB
Formato: PDF
Descrição:
Abrir arquivo

Este item está nas seguintes coleções

Buscar


Navegar

Minha conta