O jovem Lukàcs e Dostoiévski

O jovem Lukàcs e Dostoiévski

Autor Barros, Douglas Rodrigues Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Silva, Arlenice Almeida da Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Pós-graduação Filosofia - Guarulhos
Resumo O presente estudo pretende analisar as categorias expostas por Lukács na teoria do romance. Nela, procuraremos esmiuçar seus conceitos, para facilitar o entendimento sobre os gêneros e as formas da literatura para o jovem filósofo. Feito esse caminho, passaremos para uma análise das fragmentadas Anotações sobre Dostoiévski, buscando compreender o perturbante final d’A teoria em que o autor afirma que: “Dostoiévski não escreveu romance algum”. Tem-se com isso, o objetivo de desnudar em que medida a estética e a ética estão imbricadas no pensamento do Lukács da juventude. Além disso, busca-se também examinar as conjecturas expostas nas duas obras com o intuito de captar os momentos de viragens das formas do romance que, para Lukács, irá culminar na obra dostoievskiana. Obra essa, que, ao que tudo indica, o permite antever as mudanças profundas ocorridas no século XX. Com efeito, a obra de Dostoiévski – Os irmãos Karamázov – será aqui considerada, a partir dos conceitos expostos por Lukács tanto na teoria, quanto nas anotações. Tentaremos compreender, portanto, como Lukács via, na obra do escritor russo, uma nova forma que ademais indicava que algo no mundo real e concreto estava mudando radicalmente.

This study aims to analyze the categories set out by Lukács in The theory of the novel. In it, try to control their concepts to facilitate understanding of the genres and literary forms for the young philosopher. Done this way, move on to an analysis of fragmented Notes on Dostoevsky, trying to understand the disturbing end of the theory in which the author states: "Dostoevsky doesn’t wrote a romance at all." It has been with this, in order to lay bare the extent to which aesthetics and ethics are embedded in the thinking of youth Lukács. In addition, we seek to also examine the conjecture exposed in the two works in order to capture the moments of color changes of the novel ways that, for Lukács, will culminate in Dostoevsky's work. This work, which, it seems, the foresee ability the profound changes that have occurred in the twentieth century. Indeed, the work of Dostoevsky - The Brothers Karamazov - will be considered here, based on the concepts exposed by Lukács both in The theory, the in the notes. Try to understand, therefore, as Lukács saw in the work of the Russian writer, a new way that in addition indicated that something in the real world and concrete was changing radically.
Assunto Estética
Ética
Formas
Literatura
Romance
Tipologia
Dostoiévski
Aesthetics
Ethics
Forms
Literature
Novel
Type
Dostoevsky
Idioma Português
Data 2015-05
Publicado em BARROS, Douglas Rodrigues. O jovem Lukàcs e Dostoiévski. 2015. 232 f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) – Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo, Guarulhos, 2015.
Área de concentração Filosofia
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 232 f.
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/39236

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: Publico-39259.pdf
Tamanho: 1.428Mb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)